MENSAGENS PELO ESPIRITO DE ERMANCE DUFAUX

 

Trio infalível

 

 

Ermance Dufaux
Mensagem psicografada pelo médium Wanderley Soares em 16 de outubro de 2003 na SED – Sociedade Espírita Ermance Dufaux, em Belo Horizonte – Minas Gerais

 

 

Perdas

Mas ajuntai tesouros no céu...” - Mateus, 6:20

Mesmo guardando prudência e moderação, serás convocado ao aprendizado do desapego.

Na condição de usufrutuário passageiro das bênçãos que te felicitam, não obterás certidão de posse sobre tais recursos.

Não existem perdas reais no universo, porque nada pertence a ninguém.

Quando a vida te convidar às necessárias renovações, ainda que sofras a dolorosa cirurgia do desprendimento, mantém-te no controle de ti mesmo.

Hoje é o filho que muda, amanhã um vínculo que parte, depois é um bem surrupiado, mais além um emprego que é retirado.

Não são perdas, são mudanças.

Guarda calma e equilíbrio para que entendas o “recado” de Deus a ti endereçado nas alterações que a existência te conclama.

As dores das perdas são preciosos receituários contra as ilusões que carregamos.

Ermance Dufaux
Mensagem psicografada pelo médium Wanderley Soares de Oliveira, em 17 de novembro 2007, na SED – Sociedade Espírita Ermance Dufaux, em Belo Horizonte, Minas Gerais.

 

 

Jamais desistir

Nenhum de nós sentirá bem ante as faltas que podíamos ter evitado. No entanto, nesses momentos infelizes, recorramos ao amor que devemos a nós mesmos.

A intolerância e a culpa, a tristeza e a vergonha são efeitos da nossa incapacidade de aplicar o auto-amor. A cobrança e a severidade são os frutos amargos da sementeira que realizamos nos descaminhos da irresponsabilidade.

O tempo presente, porém, chama-nos para a lucidez moral. Compete-nos o perdão incondicional ante os dissabores com nossas atitudes.

Nesses momentos de pessimismo e tormenta interior, pacifiquemo-nos para começar de novo.

Começa indagando se algo te impede, definitivamente, de retomar a luta.

Depois, ora suplicando a extensão da misericórdia celeste. Muitos erros da caminhada servem para sentirmos quanto ainda somos suscetíveis à queda, e para reconhecermos com mais exatidão a extensão de nossa fragilidade.

Em seguida, faça um inventário de tuas vitórias e esforços. Perceberás o valor de continuar a batalha sem tréguas.

Após esses passos, retome o trabalho honesto, e o tempo se encarregará do restante.

Não existe ascensão espiritual sem tropeços e descuidos. Façamos o melhor que pudermos, mas na hora sombria e dilacerante do fracasso, pensemos em Deus e adotemos como norma: jamais desistir de lutar e buscar a felicidade, trabalhando, dia após dia, pelo reerguimento e pela reparação em favor da nossa paz.

Ermance Dufaux
Mensagem psicografada pelo médium Wanderley Soares de Oliveira, em 17 de novembro 2007, na SED – Sociedade Espírita Ermance Dufaux, em Belo Horizonte, Minas Gerais.

 

 

Felicidade e merecimento

“(...) e o que semeia em abundância, em abundância também ceifará” – II Corintios, 9:6
Anote alguns caminhos para construir tua felicidade:
A superação das culpas.
O perdão incondicional.
O desapego de bens e afetos.
A consciência tranqüila.
Amar o trabalho.
Descansar somente o necessário.
Interessar pelo esclarecimento.
Aprender a gostar de si.
Erguer a caridade em teus passos
O bem do próximo.
O conhecimento de si.
A fé no futuro.
A paciência com o progresso pessoal.
A instrução libertadora.
O gesto incomum pelo bem de alguém.
O esquecimento das quedas
A vitória sobre os impulsos.
A tolerância incondicional com todos.
A fraternidade nas relações.
O dever bem cumprido.
A ausência do desânimo.
O otimismo incansável.
Como vemos, felicidade não é acontecimento de sorte ou escolha do destino.
É uma conquista do esforço permanente pela melhoria de si mesmo perante o próximo, a vida e Deus.
Felicidade é a soma do bem que semeamos, portanto, uma questão de merecimento.

Ermance Dufaux
Mensagem psicografada pelo médium Wanderley Soares de Oliveira, em 17 de novembro 2007, na SED – Sociedade Espírita Ermance Dufaux, em Belo Horizonte, Minas Gerais.

 

 

Algemas no lar

  

Ante o ideal inflamante em teu íntimo, atraindo-te para a devoção e o auxílio nas frentes de solidariedade e orientação, ocorre-te um lance singular impelindo-te ao desânimo e à revolta.

São as algemas da família que ainda não partilha contigo as sendas nas trilhas de espiritualização.

Parece-te, em algumas ocasiões, que embora te situes no campo de serviço, é como se fios longos mantivessem-te no cativeiro da retaguarda.

Tenha calma e faça o que puderes, sabendo que a leira do lar é a semeadura de ontem retribuindo-te os frutos plantados por tuas próprias mãos.

Jamais abandone o posto do dever nos roteiros sagrados da conduta reta perante tua própria consciência.

Tenha lucidez, ore, imponha-te com o exemplo da fraternidade e concede ao tempo a chance para ajustar tuas lutas.

Acima de tudo, exemplifica tua mudança nas lições de auto burilamento, e, pouco a pouco, alcançarás estágios mais compensadores ante os teus laços consangüíneos.

Lembra-te que as algemas da parentela são limites de segurança em favor de teu equilíbrio.

Paulatinamente, encontrarás as chaves da conscientização que conduzir-te-ão aos deveres existenciais sem a imposição das provas exteriores, libertando-te das imposições íntimas que, em verdade, são as únicas raízes de nossa infelicidade pessoal.

 

 

 

 

 

 

Admiração e inveja

Admirar os valores e conquistas alheias é um feliz ato de solidariedade e altruísmo.

Nesse tema, quando te veres tomado pela inveja, não te assustes ou entristeça.

Eis tua grande ocasião de mergulhar no desconhecido mundo de ti mesmo e descobrir quais as razões que te levam a sentir-se inferiorizado ou insatisfeito, ante os êxitos dos outros.

Penetra tua intimidade e pacifica-te.

Aprenderás com o tempo a auto-admiração através da gloriosa descoberta de teus Dons Divinos; então compreenderás que encantar com os sucessos alheios será sempre um estímulo para melhor perceber tuas próprias riquezas ainda desconhecidas.

Ermance Dufaux
Mensagem psicografada pelo médium Wanderley Soares de Oliveira, em 17 de novembro 2007, na SED – Sociedade Espírita Ermance Dufaux, em Belo Horizonte, Minas Gerais.

 

 

 

 

 

Ermance Dufaux
Mensagem psicografada pelo médium Wanderley Soares de Oliveira, em 19 de março de 2008, na SED – Sociedade Espírita Ermance Dufaux, em Belo Horizonte, Minas Gerais.

 

o grupo doutrinário que cultiva a sinceridade e o desejo de aprender, quando comparece a presença do conflito improdutivo é hora de soar o alarme da vigilância.

Existem muitos companheiros bem intencionados e dispostos ao trabalho que anseiam pela liberdade irrestrita para exercerem seus papéis, a título de competência e bons resultados. No entanto, nos grupamentos inspirados no Cristo, esse tipo de postura expressa o sutil movimento do personalismo que rejeita o buril educativo da crítica fraterna e da correção necessária.

Muito justo que, nas tarefas coletivas dos grupos transparentes, tenhamos planos e metas, aspirações e projetos, entusiasmo e alegria. Resta-nos aferir se semelhantes conquistas são para o bem comum ou para glórias passageiras de destaque particular.

Nas esferas comunitárias do Espiritismo cristão, em qualquer tempo ou lugar, será sempre mais honesto ouvir a expressão: mérito nosso, ao invés dos desgastados refrões: eu fiz, eu resolvi, eu quero.

Nos instantes de aferição grupal, adota o trio infalível: "oração, silêncio e trabalho".

Assim, certamente, o trabalho triunfará acima de nossos descuidos.

© 2010 Todos os direitos reservados.

Crie um site grátisWebnode